MARCO ESPINOZA

CEVICHE TROPICAL

Com o objetivo de resguardar a saúde e a segurança de todos e respeitar os protocolos sanitários vigentes, os nossos chefs gravaram os vídeos de forma caseira, utilizando recursos próprios.

Ingredientes

  • 200 g de salmão
  • 30 g de pepino japonês
  • 30 g de cebola
  • 30 g de caju
  • 100 ml de leite de tigre
  • 70 ml xarope de caju
  • coentro a gosto
  • batata baroa palha

O Chef frequentou as aulas do Instituto Argentino de Gastronomia, reduto moderno da gastronomia argentina e dos países latinos. Marco trabalhou na Embaixada do Peru e, nessa mesma época, montou seu próprio restaurante. Em 2010 foi convidado para um Festival de comida peruana em Brasília, resolveu ficar e trouxe o projeto do Taypá para a capital do País.

Em 2011, o restaurante foi premiado como o melhor restaurante de cozinha contemporânea de Brasília pelo prêmio Veja Brasília Comer & Beber. No mesmo ano, também recebeu do Governo do Peru o título de Melhor Restaurante Peruano no Brasil, assinado pelo próprio presidente peruano.

Com menos de um ano de abertura, o Lima RestoBar foi premiado como novidade pelo caderno Zona Sul, pelo Rio Show Gastronomia e pela Revista Época. Grandes conquistas para uma recente casa peruana no Rio de Janeiro.

Em 2018, o chef peruano inovou e apresentou um novo conceito da sua marca, que passou a se chamar Lima Cocina Peruana. A nova casa fica localizada na mesma rua onde antes funcionava o Lima RestoBar, na Visconde de Caravelas, em Botafogo.

Em maio deste ano, devido à pandemia, um novo projeto de Espinoza foi criado: o Meu Galeto na Brasa. Com serviço exclusivo pelo delivery, o destaque vai para o galeto preparado na brasa feito com um tempero especial e com acompanhamentos fartos e diversos.

Cadastre-se para receber um

Super

e-book

HOME

O EVENTO

FECOMERCIO RJ 

RECEITAS DOS CHEFS

LIVES